O Castelo de Otranto de Horace Walpole

  Nem todas as obras que deram origem a um gênero literário têm a sorte, ou azar, de permanecerem registradas na história como aconteceu com O Castelo de Otranto de Horace Walpole. A sorte vem do fato que as inovações do autor, algumas bem ingênuas, ficaram preservadas. O azar é a realização que outros autores,…

O Saci-Pererê: resultado de um inquérito

A influência de um grande escritor na cultura de um país em geral é representada pelos livros e personagens que ele criou, talvez por alguma figura de linguagem. Quando pensamos em Monteiro Lobato, imediatamente relacionamos sua imagem com a nossa literatura infantil. Alguns, motivados pelo recente sucesso da indústria petrolífera brasileira, talvez se lembrem de…

O Narrador de Walter Benjamin

Há um conto de Leskov, A pulga de aço, que trabalha com alguns temas muito semelhantes aos temas do Rouxinol de Andersen. Em ambos, um animal mecânico estrangeiro transforma-se em atração da alta sociedade e o imperador (ou czar) encontra no coração de seu reino talentos naturais (ainda que na pulga, seja um talento igualmente…

Eu e Herman Melville: Benito Cereno

Não me lembro, e não creio que alguém possa se lembrar do exato momento no qual Herman Melville começou a fazer parte da nossa vida. Em algum ponto, Moby Dick era tão familiar quanto A Bela Adormecida ou o Saci. Vasculhando a memória encontro uma enciclopédia de animais que ao falar sobre cachalotes, cita a…

Fábulas Italianas de Ítalo Calvino

Há diferenças, ainda que sutis, entre o escritor e o contador de histórias. Muitas vezes, ter talento para uma das funções não implica em ter talento para a outra. Isso não impede que diversos autores tentem apropriar as características das narrativas orais para os seus textos. Esse foi o caso de Ítalo Calvino, que por…